O Censo Agropecuário de 2006 Revela a Função Econômica da Propriedade. Todas as Propriedades Têm Função Social – Mas a Agricultura Comercial Tem Uma Função Social Através da Sua Função Econômica. Isso é Pouco Compreendido.



Lead: Muito se tem falado acerca da função social da propriedade. Entretanto. Há uma função econômica da propriedade que é muito importante. A propriedade eficiente gera elevados níveis de produção, a partir de investimentos pesados em tecnologia; empregos diretos e um infinito número de empregos indiretos; exportações que sustentam a balança comercial; gera também substituição de importações (como no caso do trigo, por exemplo); e inúmeros outros fatores de desenvolvimento da agricultura e do país. Gera alimentos que, baratos, elevam a renda real dos consumidores, principalmente os mais pobres. A agricultura comercial produz soja e milho, ambos usados em rações, que praticamente viabilizam a produção de suínos, aves e pequenos animais que os agricultores familiares produzem.


Sumário Executivo

Esse artigo foi escrito a partir do trabalho “Quem Produz o Que no Campo: Quanto e Onde II”. Que revela toda a estrutura da produção da agropecuária do Brasil em múltiplos aspectos, feito a partir dos micro-dados do Censo Agropecuário de 2006, que pesquisou 5,4 milhões de estabelecimentos no país. Incluímos também um artigo que interpreta os principais resultados do Censo Agropecuário. O mais importante deles, como revela o trabalho, é a identificação da função social e da função econômica da propriedade – esse último conceito ainda desconhecido, mas extremamente importante.

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | free samples without surveys