Carreiras Profissionais de Futuro: Profissionais Com Flexibilidade Para se Adaptar a Cargos Específicos dos Novos Tempos



Lead: Nesse ensaio buscamos na literatura especializada as novas profissões, atribuições e competências exigidas nas empresas de vanguarda do Agronegócio. Nenhuma delas existia há poucos anos atrás. Elas abrem perspectivas de carreiras para profissionais capazes de se adaptar as novas exigências de cargos no topo da gestão das empresas do setor. Pela mera leitura desse documento estaremos diante de um mundo que não supúnhamos que existisse. Como vamos nos posicionar nesse mundo inteiramente novo depende de meditarmos e refletirmos muito cuidadosamente sobre as competências desses novos profissionais.


Sumário Executivo

            Cada dia fica mais claro que as empresas do Agronegócio precisam treinar profissionais cujo perfil desconhecemos, que vão usar tecnologias nas nossas empresas que ainda não foram inventadas e vão resolver problemas que não podemos hoje antecipar e que causariam grandes danos aos nossos negócios se não tivermos os profissionais do futuro! Nesse estudo relacionamos as atribuições dos novos cargos nas Empresas do Agronegócio, a saber: a) Profissionais Tipo T;  b) Profissional Operador do Mercado Financeiro (do Agronegócio); c) Gerente de Mudança e Relacionamento; d) Gerente da Área de Formação e Disseminação da Cultura da Empresa; e) Profissional de RH; f) Gerente (ou Diretor) de Relacionamento com Acionistas; g) Gerente de Portfólio de Novos Negócios; h) “Gestor de Crise”; i) Gestor de (Novos) Negócios (Agronegócio); j) Executivo Global Residente e Atuante (cargos na hierarquia da Empresa) no País de Origem; k) “Novo” Profissional de RH; l) Gerente de Equipes Virtuais; m) Gerentes de Equipes; n) Gestor de Modelo de Negócio; o) Analista de Planejamento Sênior.

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | free samples without surveys