Como Operar no Mundo do Agronegócio II – Opções Estratégicas de Agregação de Valor com Integração



Lead: Os intermediários têm uma má reputação entre os dirigentes do agronegócio. Será que são sempre extrativistas, extraindo valor  das nossas cadeias? Ou somos nós que  não  estávamos preparados  para  com  eles  negociar? Não deixe de ler todos os documentos da série “Como Operar no Mundo do Agronegócio”.



Sumário Executivo

            Uma decisão impostergável é associar-se a distribuidores detentores de canais de distribuição. Isso é uma realidade no comércio exterior e uma necessidade no comércio no Brasil de produtos, principalmente perecíveis. Há muitas oportunidades para esse tipo de associação de interesses em favor de uma cadeia de valor. Os conhecidos “intermediários” podem representar uma fonte de conquista de mercado. Desenvolvemos um teste para avaliar até que ponto temos maturidade, estamos preparados, dominamos conceitualmente as regras do jogo e as técnicas de negociação com intermediários. Desenvolvemos checking lists para testar o valor de uma parceria na distribuição. Temos que mudar a posição de quem compra (o “intermediário”) e quem fixa o valor do nosso produto. Temos que nos aliar a distribuidores que nos aproxime dos clientes e nos dê um feedback da satisfação dos clientes. Temos que sair da posição de que vendemos e o “intermediário” põe o preço e adotar a posição na qual alguém quer comprar nosso produto de valor e nós fazemos o preço.

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | free samples without surveys